Apesar de algumas funcionalidades utilizarem javascript você poderá navegar normalmente pelo site.

MOBILIDADE URBANA

Planejamento territorial com foco na mobilidade é tema de debate na Câmara Legislativa

O evento foi realizado por iniciativa do deputado Chico Leite em parceria com a ONG Rodas da Paz e reuniu gestores do GDF, especialistas e membros da sociedade civil, que contribuíram com propostas para enfrentar os problemas de mobilidade urbana do DF


27/03/2017
Cleudson Fernandes
O deputado Chico Leite (Rede Sustentabilidade) presidiu, na quinta-feira (23), Comissão Geral da Câmara Legislativa para debater o tema “Planejamento Territorial e Mobilidade Urbana”. O debate contou com a participação do presidente da CLDF, deputado Joe Valle, da coordenadora da ONG Rodas da Paz, Renata Florentino, do professor do programa de pós-graduação em Transportes da Universidade de Brasília (UnB), Paulo César Marques, da diretora do Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (ITDP), Clarisse Cunha, do secretário de Gestão do Território e Habitação do DF, Thiago de Andrade, do subsecretário de Mobilidade do DF, Eduardo Rodrigues, e do presidente do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), Célio Melis.

Chico Leite propôs a criação de um grupo de trabalho na Casa Legislativa para tratar da mobilidade e da ocupação do solo de forma integrada. O parlamentar destacou que a imobilidade tem colocado ameaças sob todas as cidades e isso tem sido motivo de grande preocupação da sociedade, da academia e da Câmara Legislativa. “A criação de um grupo de trabalho para debater o tema é uma das iniciativas que devemos tomar para enfrentar o problema. Vamos aglutinar especialistas, gestores e interessados no tema para que seja possível propor ações viáveis para contribuir com melhorias”, reforçou.

A coordenadora da ONG Rodas da Paz, Renata Florentino, defendeu que é muito importante resgatar o papel da participação popular e da sociedade civil para qualificar o debate acerca da Lei de Uso e Ocupação do Solo (LUOS) e do Plano de Preservação do Conjunto Urbanístico de Brasília (PPCUB). “Quando essas leis chegarem para tramitação nesta Casa, é fundamental que seja garantido o amplo debate com participação da população”, defendeu.

Segundo o subsecretário de Mobilidade, Eduardo Rodrigues, o GDF deve encaminhar até junho deste ano, para a Câmara Legislativa, um projeto de lei que trata do transporte a pé e outro sobre a integração da bicicleta aos outros modais. Ele adiantou também que está sendo elaborada uma proposta para a implantação de um sistema de carros compartilhados e a instalação de um programa de segurança viária que visa reduzir o número de mortes no transito no DF em até 37% até 2020.