Apesar de algumas funcionalidades utilizarem javascript você poderá navegar normalmente pelo site.

FISCALIZAÇÃO

Após sete anos com investimentos quase nulos, GDF volta a investir em manutenção de redes pluviais

Levantamento do gabinete do deputado Chico Leite mostra que, apesar do aumento dos recursos, o investimento na área segue insuficiente para evitar transtornos para a população com a chegada das chuvas


25/09/2017
Divulgação
Em nova ação fiscalizatória do mandato do deputado Chico Leite (Rede Sustentabilidade), dados obtidos pelo Sistema Integrado de Gestão Governamental (SIGGo) apontam um aumento considerável nos recursos aplicados pelo governo local na manutenção de redes de águas pluviais no Distrito Federal. No entanto, o valor aplicado ainda é abaixo do necessário e o brasiliense pode enfrentar novos transtornos com a chegada do período chuvoso.

Em 2017, a Lei Orçamentária Anual (LOA 2017) previa um orçamento de R$ 10.146.966,00. Apesar do valor expressivo, somente R$ 2.849.011,60 (28,07%) foram empenhados pelo GDF. Desse total, o valor liquidado, ou seja, efetivamente utilizado até o momento, totaliza R$ 1.561.295,15 (15,38%). “Temos cobrado investimentos na rede de drenagem do DF há vários anos. Apesar da sensibilização do governo, ainda estamos muito aquém do necessário”, afirmou o parlamentar.

Em 2016, Chico Leite chamou a atenção para o fato de que o orçamento do GDF para a execução de obras de drenagem havia sido o menor dos últimos sete anos. Naquele ano, o governo autorizou R$ 12,1 milhões para implantação do Programa Drenar/DF e, até setembro, nenhum centavo tinha sido empenhado para a realização das melhorias, o que motivou um alerta ao governo (relembre aqui).

“As chuvas são muito bem-vindas, especialmente com a crise hídrica. Mas cabe ao Executivo fazer o trabalho dele e garantir que a cidade esteja preparada para as fortes precipitações. Continuaremos atentos a esta questão”, finalizou o parlamentar.

Por: Rodrigo Ramthum